segunda-feira, 8 de setembro de 2008

II Forum Nacional de Pólo Aquático

Aqui vos deixo a notícia publicada hoje no Norte Desportivo:


Árbitros falham Fórum Nacional

Os árbitros de pólo aquático praticamente não comparecerem no Fórum Nacional promovido pela Federação Portuguesa de Natação (FPN), que se realizou ao longo do fim-de-semana junto à Barragem da Queimadela, em Fafe.
Além de Paulo Ramos, Luís Santos e Eurico Silva, com cargos nas instituições de dirigem a modalidade, apenas o juiz Hélder Freitas marcou presença numa acção dirigida a este sector, tal como consta no folheto do evento.
O Fórum foi também destinado a treinadores, tendo estado representantes do Vitória de Guimarães, Portinado, Paredes, Naval Povoense, CDUP/Liberty, CPN e Fluvial.
Um dos momentos «quentes» do evento centrou-se na confirmação do cancelamento do Nacional de juvenis, com a FPN a «atirar» a «batata quente» para as Associações no sentido de estas terem a responsabilidade de darem conhecimento aos clubes da sua decisão.

Será que não é um reflexo da situação actual e da insatisfação dos árbitros?
Ou será apenas um reflexo de má escolha de datas e local?

23 comentários:

Anónimo disse...

Não constitui surpresa a fraca adesão ao II Fórum, o local, a data associada ao crescente descontentamento no seio da classe da arbitragem e de forma geral na modalidade, em si a justificam. O I Forum teve uma grande adesão e também foi realizado no Norte.E não foi necessário pagar.
Perante estes resultados os senhores que comandam os destinos da modalidade, onde se podem incluir, os presidentes, da ANNP e FPN, deviam ponderar o seu apoio e candidatura a uma lista, que se arvorou em salvadora da natação Nacional, mas que até ao momento só se auto promoveu e lançou a desorganização na modalidade.
Não é com prepotência e arrogância que se consegue ser líder.
A inteligência a sabedoria e a liderança vão se conquistando não se ganham de imediato.

Anónimo disse...

Julgo que o problema será pelo pagamento, que não é justo os árbitros pagarem para participar. Daí não haver gente a participar.

AB

Anónimo disse...

a mim devem dinheiro da época passada e ainda queriam que fosse pagar para ir discutir coisas que devia discutir com todos e com a Associação e a FPN???
por favor!!!
Cumpram os deveres, paguem, regularizem as contas e sejam exemplares e já estão a fazer mais do que fizeram nos últimos anos.

Anónimo disse...

Inovações idiotas de idiotas.
Porque cego não é aquele que não vê
mas sim o que não quer ver.

Anónimo disse...

A quadratura do circulo do Norte, amigos e padrinhos e pavões e pavoninhos.
Viva

Anónimo disse...

Revelador de uma federação sem resultados e sem horizontes.
estes dirigentes em nada dignificaram a modalidade, a todos os niveis em particular na arbitragem que o que fizeram foi a auto promoção a coberto do presidente e de quem os indicou.
Desorganização a palavra reinante nesta direcção e mais uma vez na arbitragem.
Onde já se viu os árbitros terem de pagar para receberem os critérios pelos quais se devem reger ao dirigir os jogos. só nesta federação, uma ideia inovadora que devia ser registada como patente, para que outras federações copiassem e pagassem direitos de autor.

Anónimo disse...

E assim, lá vamos ter pela certa a mesma dupla infernal a arbitrar todos os jogos importantes, principalmente as fases finais de tudo o que é importante no WP português.
Ou seja, tudo na mesma!
Tem razão que lá não foi!
Eles que continuem a afundar a arbitragem que em breve se lhes acaba a mama!

Anónimo disse...

Se achas que se acaba a mama és inocente.
O ideal, já aqui foi dito várias vezes, é contratar alguém que goste do que faz e que seja isento, em vez de se trabalhar com gente que ganha o seu salário a coberto de arbitragens e viagens e ajudas de custo.
Mas isso implicaria falarem com as pessoas e fazer propostas viáveis... e por isso a mama vai continuar por muito tempo, pois contratar quem se deve é muito complicado.
Mas espero que a adesão tenha demonstrado a todos que é preciso fazer algo urgente, seja com os que estão há 4 anos à mama, seja com quem pode realmente fazer algo de útil, mesmo que seja contratado.

Anónimo disse...

A questão não passa só por contratar alguem, passa sobretudo por uma visão de futuro e de união da classe e acabar com a fantochada de termos que beber todos da mesma agua e estar todos alinhados ao sabor do interesse dos senhores que dirigem e não a defender os interesses da modalidade.
Veja-se as nomeações da LEN sempre os mesmos, vá lá que o vital apita um torneio.
A arbitragem nacional necessite de ser reorganizada e por pessoas crediveis, nunca isto se passou com anteriores dirigentes, a não ser alguns problemas com pagamentos.Porque pelo menos existia critério nas nomeações e acima de tudo existia diálogo e as criticas eram aceites e nunca ningeum foi castigado ou afastado por discordar e ter idieas diferentes.
Mas voltando ao Forum é lamentável e a ANNP tem a sua cota de responsabilidade os árbitros e todos os outros terem de pagar para receber informação, porque eu até sou de opinião que se pague mas para receber FORMAÇÃO e por pessoas credenciadas e não para houvir falar o Ramos e o Santos como se dos maiores se tratassem e como doutores da arbitragem, podiam ter a inteligencia de trazer um árbitro espanhol de relevo mas não, são eles. que é para dizerem as barbaridades que disseram quando da apresentação do projecto, ou voces alinham ou então vão embora, STALINISMO.

Atento disse...

Acho que não deveriam pagar os árbitros, bem como os treinadores para estarem presentes no Fórum. Mas na realidade houve esforços dos treinadores para estarem presente e não houve esse esforço dos árbitros.
Existe muita coisa errada na modalidade, no entanto este era o local ideal para todos falarem e a verdade é que ninguem apareceu.
Chegamos então a um ponto que não devemos criticar apenas os individuos da FPN e ANNP, mas nós proprios, agentes da modalidade (atletas, treinadores, árbitros e dirigentes) pois todos criticamos mas ninguem dá sugestões nem apresenta as suas críticas em locais apropriados.
Resumindo, todos somos responsáveis por tudo que esta a acontecer a modalidade.

Reflectir sobre isto e depois digam algo.

Anónimo disse...

O anterior comentário, em minha opinião esta fora da realidade.
Os treinadores que estiveram presentes e bem foram discutir assuntos da area do treino. ao contrário dos árbitros que tinham de pagar para receber os critérios de arbitragem o que é completamente diferente.
As ideias existem mas não são aceites porque oos senhores que comandam a modalidade pensam que sabem tudo e não aceitam as ideias dos outros.

Anónimo disse...

Deixem-me só deixar aqui uma pergunta: Mas porque è que quem está aqui farto de atacar tudo e todos,quem faz bem e quem faz porcaria, NÃO APARECEU LA PARA DIZER TUDO ISTO E TUDO O RESTO NA CARA DAS PESSOA DEVIDAS??? Atras do anonimato não è dificil criticar...So queri mesmo deixar esta questão.

Anónimo disse...

Os que aqui vêm, conforme tu dizes atacar o que fizeram mal e bem, estão nas mesmas condições que tu.
colocas a questão mas não dás o exemplo,porque não te identificas.
E além disso não sabes se os que aqui criticam já não tiveram oportunidade de dizer isto na cara no local devido.
Valia mais estares calado e quieto e não vir aqui fazer favor aos teus protectores.

Anónimo disse...

A questao e simples, quando critico, e sim ha muito que criticar, faço-o no local proprio e as pessoas a quem critico. E tao facil vir para aqui falar...e o que os cobardolas fazem, falam mas não na cara de quem deviam!

Anónimo disse...

Carissimo anónimo.
Andas um pouco confuso. Porque até agora à excepção destes blogs, poucos ou nenhumas tem sido as hipoteses de criticar as pessoas que estão a dirigir a arbitragem nacional, apesar de na ultima reunião onde foi apresentado o projecto de desenvolvimento, ter tido a oportunidade de dizer aquilo que penso,na cara das pessoas, portanto não me incluo na tua classificação.
E como tu dizes é mais é mais fácil vir para aqui falar, porque pelo menos estamos todos em iguladede de circunstancias. Pelo menos pode dizer algo mais, porque como sabes à semelhnaça do que já foi feito a alguns, por terem falado e dito na cara aquilo que pensam forma suspensos pura e simplesmente sem qualquer processo disciplinar ou semelhante.

Anónimo disse...

Pois mas la está, ainda agora houve uma oportunidade de confrontar quem manda com aquilo que esta mal e, pelos vistos, não o fizeram enttão porque è que o estão a fazer aqui??sinceramente não compreendo...parece que breve havera outra oportunidade, vamos la ver se as opiniões inflamadas que profeciam a desgraça da arbitragem nacional(que na minha opinião nunca esteve melhor mas tambem nunca esteve pior, simplesmente está como sempre esteve) vão la estar e confrontar quem manda com estas criticas todas que atiram aqui...pago para ver!

Anónimo disse...

nunca esteve melhor nem pior e está como sempre esteve?!!!
Em que mundo vives?
Árbitros que não recebem pagamentos, árbitros que não são convocados e desistem, torneios internacionais apitados sempre pelos mesmos, pessoas que são "expulsas", árbitros que tiram o curso e são "lançados às feras", duas pessoas que nem curso de formadores tem a dar todas as formações de arbitragem... na mesma?!!!
Antes não estava bem, mas pelo menos as coisas eram muito mais equitativas que hoje em dia onde se assiste a uma ditadura onde não se pode falar, só apitam os amigos, são sempre os mesmos a falar...
por favor!!!
Mas já sei que aqui, basta atirar areia para os olhos em final de mandato que as pessoas se esquecem de 4 anos de mau trabalho, para acharem que as coisas vão mudar... enfim
bem vindos a Portugal...

Atleta disse...

Há para aqui muita gente enganada.
Em primeiro e em resposta a um comentário, os treinadores também pagaram para discutir regulamento de competições e calendário de competições - não para receberem formação acerca de treinos como alguém k se julgo muito informado.
Tal como os árbitros que estiveram presentes também pagaram para receber as informações para próximo ano. É real que ninguem ligado a modalidade (treinadores e árbitos) não deveriam pagar.
Mas posso ainda aguardar pela próxima reunião de arbitragem, gratis, a realizar desta vez em Lisboa para ver se todos estes anonimos aparecem e têm mesmo posição cara a cara....
Estou para ver qual vai ser a desculpa.

Também não estou satisfeito com a FPN, nem Associações, mas também tenho k admitir que as pessoas apenas criticam e ninguem faz nada para alterar tudo isto.

Não serve apenas criticar em blogs, comparecer aos locais e nas datas indicadas era bonito e bem.

Ricardo

Anónimo disse...

Anonimo e colega das 13.27.
Estás engando a reunião é em rio maior e na parte que me toca irei estar presente assim com estive presente na reunião de LX quando foi apresentado o projecto.
A arbitragem é nacional não é do norte nem do sul.
A tua actitude é de quem aceita as diferenças e está contente com essa divisão.
ao que me parece tu é que andas um bocado enganado e à deriva.
Quanto ao comentário das 13.07 só tenho que assinar por baixo, porque se não existisse ditadura podiamos todos estar aqui a dar a cara assinando o nosso nome.

Anónimo disse...

Para o anonimo das 13.07, sim esta como sempre esteve!! Pagamentos, no antigamente, ainda era pior, ha gente com bastantes jogos por receber ha muito tempo, bem anterior a esta direcçao, no tempo em que a promiscuidade entre contas da FPN e dinheiro do sr Machado era gritante. Nunca se percebeu muito bem como e que aquilo funcionava...Ha aqui muita gente com problemas de memoria...ou amnesia propositada!!!

Anónimo disse...

Caro colega é grave as afirmações que fazes, a soldo de alguêm.
Penso que a federação é uma pessoa de bem e sempre cumpriu, com os pagamentos ao contrário desta direcção que nomeia árbitros que não estão filiados e depois não liquida os pagamentos efectuados já para não falar dos que estão filiados e não são pagos de acordo com a palavra dada.
Mas penso que se existe alguem ainda com pagamentos por efectuar e com provas disso devem fazer valer os seus direitos.
Mas caro o cerne da questão não são os pagamentos porque ninguêm está à espera de enriquecer com os subsidios de arbitragem, a questão está no está a ser feito e naquilo que foi prometido por quem dirige a arbitragem e isso sim a premiscuidade entre quem nomeia e os seus amigos, basta para isso pedires à autora deste blog as estatisticas das nomeações e verificares os nomeados.
Vou-te dar mais um exemplo, as nomeações para os torneios particulares, no chamado antigamente "dividia-se o mal pelas aldeias" agora é sempre a mesma aldeia.
Mais um exemplo no antigamente existia diálogo com todos, do norte e do sul, agora nada existe.
mais um exemplo, antigamente nunca se afastou ninguem, fosse do norte ou do sul, por não concordar com quem dirigia a arbitragem, agora afastam-se as pessoas e tu sabes bem disso, a norte e a sul.
Para terminar mais um exemplo, antigamente quando um árbitro foi agredido, existiu solidariedade de classe, agora quem dirige é o primeiro a dar o exemplo da falta dela.

Anónimo disse...

As a firmaçoes que faço sao verdadeiras e toda a gente sabe disso! Sim ha muito boa gente com muitos jogos para receber do tempo do sr Barradas e quando confrontado com esse problema não dava resposta concreta, dizendo para falar com os serviços da federação ou com o sr Machado que acabava por dizer que não encontrava o registo dos respectivos jogos em falta. Nomeaçoes para o torneio de Loule era o que se via.Tal como playoffs e afins...Meus senhores, eu apenas digo que quem tem telhados de vidro não deve atirar pedras para o ar...ha pessoas que tem boa memoria apesar de ja terem passado 4 anos!!E mais uma vez, sejam homens e na proxima reuniao confrontem as pessoas com as vossa opinioes, nao o façam aqui, è de baixo nivel....

Anónimo disse...

Essa boa gente deve apresentar as provas que tem os jogos por pagar.
continuas a atacar quem não se pode defender e atacas as pessoas pelo nome sem dares a cara.
De baixo nivel é a tua posição que vens, mais uma vez aqui falar do nome das pessoas e se tivesses coragem apresentavas provas e confrontavas directamente essas pessoas.
Além disso o sr Barradas éra da direcção quem tinha a responsabilidade do Conselho de arbitragem se bem te lembras éra a Paula vital.
Mas isso neste momento pouco interessa porque essas pessoas já lá não estão e forma derrotadas por um projecto, que é o actual que se intitulou de salvador da modalidade e que, foi dito para quem estava presente que se iria fazer diferente e malhor do que foi feito anteriormente,mas o facto é que foi feito pior.
Já te apresntaram alguns factos, mas diz o ditado cego não é o que não vê mas o que não quer ver.